MAIS OBRAS - PUBLICIDADE

BLOG COMERCIAL

BLOG COMERCIAL

segunda-feira, 1 de maio de 2017

Funcionária não aceita perder cargo comissionado no HAPA e prefeitura abre processo administrativo.

O Blog do Alexandre Cunha esteve no Hospital Antônio Pontes de Aguiar para apurar uma denúncia publicada nas redes sociais sobre um suposto assédio moral e descobriu que na verdade o caso envolve uma disputa por cargos na administração da unidade e tomou outras proporções.

A funcionária que era responsável pelo setor de Recursos Humanos do hospital foi transferida para o Centro de Saúde Benu Mendes, mas simplesmente nunca aceitou sua nova portaria. Apesar de ser concursada como Auxiliar de Serviços Gerais (ASG) da zona rural, a funcionária estaria se dizendo perseguida pela mudança para outro órgão e alegando que por ter votado no prefeito ela teria poder de escolher onde trabalhar.

Como ontem foi o último dia de abril, o diretor-geral do Hapa, Orinaldo Araújo, esteve no RH, onde fica o controle de frequência dos funcionários, para pegar a folha de ponto do mês e preparar a do mês de maio, mas as pastas com as folhas de ponto foram retidas pela funcionária e trancadas num armário para prejuízo dos demais servidores.

Ouvido pelo Blog, o porta-voz da Prefeitura reafirmou a confiança no trabalho do diretor do hospital e informou que já havia sido decidida pela administração a instalação de uma ouvidoria no órgão para que todos, servidores e população, possam se manifestar, reclamar, denunciar, elogiar, criticar e sugerir o que desejam.

A direção já registrou Boletim de Ocorrência pela retenção das folhas de ponto e o diretor registrará outro por calúnia e difamação. Informado dos fatos, o setor jurídico da prefeitura já decidiu pela abertura de processo administrativo para apurar os fatos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário